Imóveis

A cidade assiste hoje a um boom imobiliário, o maior desde que a represa de Jaguara foi formada na década de 60 para gerar energia na usina local, da Cemig (Companhia Energética de Minas Gerais).

“Eu investi aqui quando ninguém acreditava na cidade”, diz Amir Choaib, 57, proprietário da Engimurb, construtora de Ribeirão Preto que viabilizou dois condomínios no município.

O mais recente –Enseada da Fronteira– tem 460 mil metros quadrados e uma previsão de contar com 320 residências. O empreendimento já está com 40% dos seus terrenos vendidos.

A empresa é dona também de um outro negócio em Rifaina – mais antigo –, o residencial Morada da Fronteira, que tem 180 mil metros quadrados e 220 casas.

Um calçadão com dez metros de largura e 4 quilômetros de comprimento foi construído.
A cidade viabilizou quiosques, desenvolveu o paisagismo na prainha, reforçou a iluminação e disponibilizou estacionamentos.

Em feriados prolongados e finais de semana, a cidade chega a receber cerca de 10 mil turistas.

Para atender esta demanda imobiliária a cidade conta com profissionais de alto gabarito para, interessados em investir na cidade sejam estes turistas e munícipes.

imoveisrifaina

GUSTAVO BARALDI | 16 99147-2567 | CRECI 166.086 F

gustavohbaraldi@creci.org.br

GUSTAVO COIMBRA | 16 99122-9270 | CRECI 155.590 F

                                                gustavocoimbra@creci.org.br

ENTRE EM CONATO

[contact-form-7 id=”5″ title=”Formulário de contato 1″]